CONTATO: gomesaccioly@gmail.com - 68 99775176

sábado, 30 de abril de 2016

TARAUACÁ: PREFEITO RODRIGO ANUNCIA MEDIDAS "AMARGAS" PARA ENFRENTAR A CRISE

Prefeito Rodrigo Damasceno
A crise econômica e politica que tomou conta do país tem causado prejuízos imensos à toda população brasileira. As prefeituras por todo o Brasil estão com seus repasses a cada mês diminuindo. Isso tem feito com que muitos prefeitos tenham que tomar medidas "amargas"  de contenção de gastos e para poderem honrar com os compromissos básicos da administração. 


Em Tarauacá, o Prefeito Rodrigo Damasceno, convocou todo o pessoal de sua administração, além de vereadores,  movimento comunitário, igrejas e outros representantes da sociedade civil organizada, para fazer uma espécie de "Raio X" da crise no município e anunciar as medidas que serão tomadas pela administração para conter gastos e combater a crise. O encontro aconteceu na tarde desta sexta feira, 29 de abril, no Teatro José Potyguara. 

"Tentamos retardar ao máximo de tempo possível essa decisão, porém, nossos recursos diminuíram drasticamente e não estamos mais conseguindo, por exemplo, pagar os cooperados e terceirizados", disse o prefeito.

As principais medidas anunciadas foram as seguintes:

1. Redução em 20%, nos salários do Prefeito, Vice Prefeito, Secretários e Assessores de Cargo em Comissão;
2. Suspensão do pagamento de diárias;
3. Suspensão de todas gratificações e dobras;
4. Redução do tempo de expediente nas secretarias para conter gastos;
5. Redução no número de servidores cooperados;
6. Diminuição do número de servidores terceirizados;
7. Redução de gastos com combustível;
8. Redução de gastos com material de expediente;

"Estas medidas são necessárias para manter a saúde financeira da Prefeitura que paga uma séries de dividas contraídas por outros gestores, tendo em vista a manutenção de qualidade dos serviços públicos para a população, tais como: coleta de lixo, limpeza urbana, atendimento de saúde nas Ubs’S, manutenção das unidades escolares, assim como, o pagamento dos servidores público em dia" finalizou o prefeito. 

Mais tarde por uma rede social, o prefeito Rodrigo Damasceno, que optou por não receber salário de prefeito e sim de médico, que é sua profissão, anunciou que vai destinar 20% de seus vencimentos para os cofres da prefeitura. Rodrigo é concursado e tem dois contratos no Governo do Estado.


Leia o que ele escreveu:

"A Crise chegou em Tarauacá... Mesmo após nossos esforços para segurar... Fizemos uma reunião hj, onde tratamos sobre os cortes que realizamos. Vamos cortar 20% dos salários dos servidores municipais que está na câmara de vereadores para aprovação e diminuir a quantidade de servidores terceirizados e cooperados... E eu não recebo pela prefeitura, tenho dois contratos concursados pelo estado! E vou destinar 20% de meu salário para prefeitura na conta 4025-8, daqui um mês posto o comprovante de depósito". (fotos:assecom)

Nenhum comentário: